jusbrasil.com.br
16 de Dezembro de 2017
    Adicione tópicos

    Recital de Poesia na OAB Sinop enaltece a cultura local

    OAB - Mato Grosso
    Publicado por OAB - Mato Grosso
    há 4 meses

    Entre as obras destacadas estavam criações da autora e advogada Bernadete Crescêncio Laurindo, uma das mais citadas nas leituras de poemas não autorais. Para a poetisa e membro da academia Sinopense de Letras, a noite foi de reconhecimento do seu trabalho e um deleite a cultura da cidade.

    “Quando escrevemos temos o foco no leitor e ver nossa obra tocar o outro com sentimentos é um grande resultado. A Ordem é sempre muito receptiva e valoriza muito o trabalho da Academia de Letras, é muito importante para nós termos essa abertura, sem falar nas companhias memoráveis”, ressaltou a poetisa.

    Com apenas 13 anos, Vitoria Cunha apresentou três poesias ao público, além de interpretar as poesias, ao lado da prima, ela preparou uma apresentação de dança que acompanhou os textos.

    “Na minha casa temos o costume de ler sempre. Eu no futuro quero fazer faculdade de biomedicina, mas quero também sempre ler e ainda espero fazer poesias”, contou com bastante timidez.

    Interpretando oito textos, a jornalista Cristiane Oliveira se diz uma apaixonada pelas obras locais. “Fico sensibilizada em ver quão rica é a nossa produção poética e fico ainda mais feliz em participar deste tipo de evento. Acredito que deveria acontecer muito mais ações desse tipo na nossa cidade”, ponderou.

    Para o presidente da OAB Sinop, Felipe Guerra, o evento realizado na sede da instituição mostra a importante parceria e fomento à cultura local.

    “Ainda que não seja uma função típica da Ordem, em nossa gestão entendemos que é importante o apoio amplo e irrestrito à cultura sinopense. Nós recebemos mais uma vez esse recital e quero crer que já se tornou um evento de pauta anual na cidade. Eu não vejo apenas um apoio à Academia de Letras, mas especialmente pelo fato de estarmos fomentando a cultura em um país em que talvez esse seja um tema de menos relevância política”, ressaltou Felipe Guerra.

    A advogada e vice-presidente da Caixa de Assistência ao Advogado (CAA/MT) e organizadora do encontro, Xênia Guerra, destacou a importância dos encontros culturais. “Esses momentos nos levam a crescer culturalmente, precisamos sempre estar abertos para ouvir e participar da nossa cultura. É com grande prazer que realizamos esses encontros e espero que sejam cada vez mais frequentes”, disse.

    Para Irineu Bruno Jaeger, presidente da Academia Sinopense de Letras, a parceria com a Ordem já é um grande sucesso. “Temos muito a mostrar e com essa abertura nós temos a esperança de conscientizar nossos políticos e cidadãos a prestarem mais atenção às coisas boas que temos. Sei que nós temos uma produção agrícola incrível e somos grandes produtores de gado, mas também temos grandes pensadores, escritores e poetas, isso também tem que ter o seu espaço”, ressaltou.

    Mayla Miranda / Assessoria Conexão

    0 Comentários

    Faça um comentário construtivo para esse documento.

    Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)